Uma voz amiga...


Hoje li para ti até adormeceres. O teu desassossego não te deixava adormecer. A dor era mais forte que o cansaço e os olhos não cerravam. A tua dor é também minha, e não poder ajudar-te deixa-me de rastos. É angustiante. Mas é a vida. Tirar-te esse sufoco, esse desassossego, esse aperto no peito, eu não posso. Mas tudo o que for possível eu fazer para minimizar o mais que possa aquilo que te corrói por dentro eu farei! Hoje li-te. Li até que a tua cabeça não pensasse em mais nada senão nas minhas palavras. Entretanto o sono foi chegando e a minha batalha estava a render vitórias! Queria que adormecesses. Não por estar cansada de ler, ler-te-ia a noite inteira, mas sim porque te queria em paz e sossego, descansada no sono merecido.

É desta forma que quero fazer valer, todos os dias da minha vida, esta grande amizade que nos une. Não haverá nada, nunca, em lugar algum, que tenhas de suportar sozinha. Eu estarei sempre, lado a lado contigo, para que possas dividir comigo o peso da vida.

Agora descansa. Amanhã é um novo dia e encontrarei outra forma de te sossegar.


Um beijo no coração.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • Twitter
  • RSS

4 Response to "Uma voz amiga..."

  1. A Origem do Segredo says:
    6 de março de 2009 às 14:44

    Espantada... que palavras tão bonitas que o quarto ao lado guarda... Já sei onde as procurar ;)

  2. Pedro Reis Sá says:
    6 de março de 2009 às 18:57

    quando me lês?

  3. Ana C. says:
    6 de março de 2009 às 22:04

    Que texto tão bonito, parabéns! Falaste com o coração...

  4. André says:
    7 de março de 2009 às 01:10

    só pa carimbar o cartão de visita, quanto ao post, nada a acrescentar :)

Copyright 2009 Encontra-me...
Free WordPress Themes designed by EZwpthemes
Converted by Theme Craft
Powered by Blogger Templates